Ademi-PE reforça importância do programa “Aprender na Obra”

A coordenadora do projeto “Aprender na Obra”, a professora Risale Neves, do curso de arquitetura de urbanismo da UFPE, esteve na Ademi – PE para reforçar a importância do programa para o aprendizado acadêmico dos alunos. Ela ressaltou que em 18 anos de parceria com a Ademi, o projeto nunca parou e pede que os associados continuem de portas abertas para os estudantes nas suas empresas.

O programa propicia aos estudantes de Arquitetura e Urbanismo a oportunidade de confrontar a teoria de sala de aula com a prática em canteiros de obras. Conhecer novas tecnologias de construção; treinar posturas e relacionamentos profissionais desde a escala empresarial até o operário de menor qualificação. “Na minha empresa tenho uma estagiária, fruto da parceria com a UFPE, e posso atesta que é umas das melhores que já passaram por lá”, declarou Carlos Tinoco, presidente da Ademi.

O público-alvo é o estudante de Arquitetura que já esteja ou já tenha cursado o 5° período. Como as vagas oferecidas dependem das empresas e usualmente essas vagas não atendem a demanda dos alunos os interessados devem se inscrever com antecedência e aguardar o chamado para encaminhamento à vaga.

Idealizado pela arquiteta Risale Neves, professora do Departamento de Arquitetura e Urbanismo da UFPE, em 1999, inicialmente o “Aprender na Obra” era atividade de extensão universitária. Porém, desde 2004, conta como componente curricular eletivo para os alunos participantes.

Fonte: Assessoria de Comunicação