Informativo 13 de Agosto de 2017

Ademi-PE debate crédito imobiliário

 

O associado da Ademi-PE, Marcello Gomes, fez uma apresentação para a diretoria da entidade, na qual compilou as informações da Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança – Abecip sobre o primeiro semestre de 2017. Na ocasião foram debatidas perspectivas para o final do ano.

 

Marcello Gomes compilou as informações da Abecip
Marcello Gomes compilou as informações da Abecip

Em junho, o montante de financiamento imobiliário voltou  a crescer, em termos mensais. Os financiamentos com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) atingiu R$ 3,8 bilhões, alta de 6,5% em relação a maio. Comparado a junho do ano passado, ainda observa-se queda de 11,1%.

No acumulado de 12 meses, entre julho de 2016 e junho de 2017, foram aplicados R$ 44,6 bilhões na aquisição e construção de imóveis com recursos das cadernetas de poupança do SBPE, retração de 16,5% em relação ao apurado nos 12 meses precedentes.

Marcelo lembrou ainda que a Selic iniciou 2017 no patamar de 13,75% ao ano e fechou o semestre em 10,25%, redução extremamente importante para a competitividade da poupança frente às aplicações referenciadas em renda fixa. A queda da inflação e a redução de juros contribuem para ampliar a disponibilidade de recursos da sociedade para diversos fins, inclusive poupar.

Caixa lança linha de crédito para loteamentos

A Caixa lançou a primeira linha de crédito do país destinada à produção de loteamentos urbanos. Voltado para empresas do ramo da construção civil com faturamento superior a R$ 15 milhões por ano, o Produlote financia toda a infraestrutura do empreendimento, da limpeza do terreno à implantação das redes de água, esgoto e distribuição elétrica. A linha já está disponível nas agências do banco.

Com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), a CAIXA vai disponibilizar R$ 1,5 bilhão para o Produlote até o fim de 2018.  A linha de crédito financia até 70% do custo da infraestrutura do loteamento, limitado a 50% do valor global de vendas. Não há tamanho mínimo ou máximo para os empreendimentos. O valor mínimo de financiamento é de R$ 2 milhões por empreendimento ou módulo. Não há valor máximo.

Curso: Impacto da Lei da Concentração da Matrícula nos Negócios Imobiliários

Estão abertas as inscrições para o primeiro curso em parceria com a Universidade Secovi-SP. “O Impacto da Lei da Concentração da Matrícula nos Negócios Imobiliários”, acontece nos próximos dia 22 e 23 de agosto, na sede da Ademi-PE e será ministrado, das 15h às 18h por Carolina Ferreira, advogada, especialista em direito imobiliário e empresarial e membro efetivo da comissão de direito imobiliário e urbanístico da OAB/SP. As inscrições podem ser feitas pelo https://www.ademi-pe.com.br/2017/07/18/novos-cursos-disponiveis/

e-mail: ademi-pe@ademi-pe.com.br – Fone/Fax:3423.3084

Jornalista responsável: Andreza Vasconcelos–DRT/PE – 2763