Ademi-PE e Sinduscon-PE participam de teleconferência com o governador Paulo Câmara

No domingo, 29 de março, os presidentes do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Pernambuco – Sinduscon-PE, Érico Furtado, e da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Pernambuco – Ademi-PE, Gildo Vilaça, juntamente com representantes de outras sete entidades empresariais, participaram de teleconferência promovida pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara, em conjunto com secretários, com o objetivo de dialogar sobre alternativas que minimizem os impactos econômicos e trabalhistas motivados pelas medidas tomadas até o momento visando o combate à pandemia do Covid-19.
Durante a reunião foi estreitado o contato entre as principais entidades empresariais e o governo do estado e discutidas soluções para reduzir os danos durante a pandemia, sobretudo para preservar os empregos dos trabalhadores atingidos com as paralisações impostas pelo Decreto Nº48.834, do Governo do Estado.
Com foco no setor da construção civil, foi levado ao conhecimento do governador os principais problemas enfrentados, e solicitada uma reabertura gradual e responsável dos canteiros de obras a partir do dia 06 de abril. De acordo com Érico Furtado Filho e Gildo Vilaça, o governador Paulo Câmara se comprometeu a estudar as possibilidades e a retornar com uma resposta até a sexta-feira, 03, data em que também será realizada a reunião do Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Fazenda – Consefaz, no qual será discutido outro pleito do setor produtivo – isenção ou redução tributária para o período de quarentena.
Importante contextualizar que o setor construtivo, no país, começava a dar sinais de recuperação da grave crise econômica instalada desde 2015, e que no estado, o setor vinha trabalhando intensamente em soluções para alcançar resultados semelhantes aos nacionais. No entanto, a crise atual advinda no novo coronavirus rompeu com tal trajetória, gerando obstáculos ainda maiores à manutenção dos empregos e sobrevivência de várias empresas do setor.
Por parte do governo do estado, também participaram do encontro os secretários Alexandre Rebêlo (Planejamento), Bruno Schwambach (Desenvolvimento Econômico), André Longo (Saúde), Alberes Lopes (Trabalho, Emprego e Qualificação), Antonio de Pádua (Defesa Social), Rodrigo Novaes (Turismo) e Décio Padilha (Fazenda).
Também por parte da iniciativa privada, participaram do encontro representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas – CDL, Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco – Fiepe, Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Pernambuco – Fecomércio/PE, Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco-Faepe, Associação Brasileira da Indústria de Hotéis-ABIH, Associação Brasileira da Indústria de Hotéis em Porto de Galinhas-ABIH e Associação Brasileira de Bares e Restaurantes-Abrasel.
A teleconferência do domingo, 29, foi precedida por outro encontro ocorrido na sexta-feira, 27, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico – SDEC com representantes das principais entidades da indústria e do comércio em Pernambuco, entre eles, as lideranças da Indústria da Construção Civil.

 

Assessoria de Comunicação da Ademi-PE

30.03.2020

275